24/02/2021 Semasa abre licitação para construção de dez Estações de Coleta

Expectativa é entregar os novos equipamentos ainda neste ano

Santo André, 24 de fevereiro – O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) abriu nesta quarta-feira (24) licitação internacional para contratar empresa para construir mais dez Estações de Coleta na cidade. A execução do projeto executivo dos novos equipamentos e as obras fazem parte do Programa Sanear Santo André, cujas intervenções são financiadas parcialmente pela CAF – Banco de Desenvolvimento da América Latina.

A previsão da autarquia é que as obras sejam concluídas ainda este ano, sendo que para 2022 serão construídos mais dez novos ecopontos. Os envelopes com as propostas comerciais devem ser abertos no dia 29/3.

Com o Programa Sanear Santo André, o Semasa oferecerá à população um total de 20 Estações de Coleta, o que dobrará a capacidade do município de receber resíduos recicláveis, entulho, móveis, restos de pequenas construções, pneus, óleo de cozinha e lixo eletrônico (computador, geladeira, fogão etc). Desta forma, a autarquia espera reduzir os problemas relacionados ao descarte irregular de lixo – gerando economia de recursos na limpeza dos pontos – e ampliar a reciclagem, já que todos os resíduos recicláveis são encaminhados para as cooperativas parceiras do município, que realizam a triagem e venda destes materiais.

Alguns dos bairros que receberão as novas Estações de Coleta são Jardim Cristiane, Vila Floresta, Bangú, entre outros. A localização dos dez novos ecopontos pode ser consultada no website do Programa Sanear Santo André, em www.semasa.sp.gov.br/sanearsantoandre.

Considerando o raio de alcance de cada novo ecoponto, cerca de 150 mil habitantes devem ser beneficiados. As novas Estações de Coleta também serão mais modernas, com caçambas compactadoras e sistema de segurança por câmeras de monitoramento, que permitirão inibir furtos e invasões nestes locais.

O investimento na elaboração do projeto executivo, construção dos ecopontos e sistema de monitoramento é de cerca de R$ 8 milhões, sendo parte desta verba financiada pela CAF.

ImprimirGerar PDFEnvie para um amigo

NOTÍCIAS

Prefeitura inicia construção de  segundo ecoponto no Jardim Santo André

25/11/2022: Prefeitura inicia construção de segundo ecoponto no Jardim Santo André

Santo André, 25 de novembro de 2022 – A Prefeitura de Santo André, por meio da Secretaria de Manutenção e Serviços Urbanos, está construindo mais um ecoponto no Jardim Santo André. O bairro é um dos que mais sofrem com descarte irregular de resíduos, o que agrava problemas de enchentes, alagamentos e a poluição do meio ambiente. As obras ocorrem na Rua da Visão e a nova unidade será batizada de Estação de Coleta Jardim Santo André. Com a...

Santo André recebe novo drive-thru para descarte correto de eletroeletrônicos, pilhas e lâmpadas fluorescentes

23/11/2022: Santo André recebe novo drive-thru para descarte correto de eletroeletrônicos, pilhas e lâmpadas fluorescentes

Ação já permitiu a reciclagem de mais de 12 toneladas e vai acontecer nos dias 25 e 26 de novembro, no Paço Municipal Santo André, 23 de novembro de 2022 – Santo André recebe nos dias 25 e 26 de novembro (sexta e sábado) um ponto de coleta especial para descarte de resíduos eletrônicos, pilhas e lâmpadas fluorescentes. A ação é promovida desde 2020 pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) em parceria com a Green...

Prestes a virar lei, programa Moeda Verde comemora 5 anos

22/11/2022: Prestes a virar lei, programa Moeda Verde comemora 5 anos

Iniciativa que troca recicláveis por alimentos consagrou-se como a principal política pública socioambiental de Santo André Santo André, 22 de novembro de 2022 – Há cinco anos, reciclar em Santo André gera comida na mesa a famílias em situação de vulnerabilidade social, amplia a segurança alimentar e a limpeza dos bairros da cidade. Todas essas melhorias ocorrem graças ao programa Moeda Verde, que, nesta terça-feira (22), completa 1.825 dias de existência, trazendo mais qualidade de vida para cerca de...

Pandemia aumenta em 47% o número de catadores de recicláveis em Santo André

18/11/2022: Pandemia aumenta em 47% o número de catadores de recicláveis em Santo André

Até 2020, 579 profissionais trabalhavam com essa atividade; após aquele ano, 274 pessoas passaram a recolher e vender esse tipo de material no município Santo André, 18 de novembro de 2022 – Ao andar ou trafegar de veículo pelas ruas de Santo André nesses últimos dois anos é possível notar que houve aumento significativo de pessoas que recolhem materiais recicláveis. Os novos catadores autônomos de resíduos secos, como também são conhecidos, passaram a exercer essa atividade após perder o...