25/06/2014 Semasa recebe permissão do Consema para realizar licenciamento ambiental

24.06.2014 – O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) já está autorizado a conceder licenciamento ambiental para atividades e obras que causem impacto local, seja ele alto, médio ou baixo.  No dia 2 de junho, Santo André foi reconhecida como apta pelo Consema (Conselho Estadual do Meio Ambiente) para licenciar atividades de alto impacto. Como em 2003, a cidade é pioneira no licenciamento ambiental, obtendo junto com São Bernardo o primeiro documento de aptidão perante o Consema.

Até então, Santo André precisava de um convênio com a Cetesb (Companhia Ambiental do Estado de São Paulo) para fazer o licenciamento ambiental. Com a mudança, a cidade passa a ter autonomia de licenciamento ambiental para obras de transporte, como terminais rodoviários, corredores de ônibus e helipontos; obras hidráulicas, como adutoras e reservatórios de controle de cheias; e de turismo, como parques temáticos; além de hotéis, motéis e até linhas de transmissão. Também passa a ser atribuição do Semasa o licenciamento de mais de 100 tipos de atividades industriais.

Na análise, o Semasa deve levar em conta a natureza, o porte e o potencial poluidor do empreendimento. Tais empreendimentos devem ter área construída inferior a 10 mil m². O licenciamento de obras acima deste tamanho continua a ser uma atribuição da Cetesb. Áreas contaminadas também só podem ser licenciadas pela companhia estadual.

Para o diretor do Departamento de Gestão Ambiental (DGA) do Semasa, Carlos Pedro Bastos, a mudança vai facilitar principalmente a vida do pequeno empreendedor, que não precisará mais solicitar a licença para a Cetesb. O município também não dependerá mais da renovação do convênio com a Cetesb para realizar o licenciamento. A proximidade do corpo técnico do Semasa com os problemas do município também deve agilizar o processo de licenciamento, na opinião da assistente técnica de licenciamento do DGA, Debora Stefanelli.

A Deliberação Normativa do Consema 1/2014 atende a Lei Federal 140/2011, que determina que o licenciamento ambiental de empreendimentos que provoquem impacto local compete aos municípios.

ImprimirGerar PDFEnvie para um amigo

NOTÍCIAS

Moeda Verde concorre a Prêmio de Tecnologia Social da Fundação Banco do Brasil

14/06/2024: Moeda Verde concorre a Prêmio de Tecnologia Social da Fundação Banco do Brasil

Projetos finalistas estão sendo avaliados por meio de votação popular Santo André, 13 de junho de 2024 – O Programa Moeda Verde é finalista em mais um grande prêmio nacional. Depois de vencer as premiações InovaCidade 2024, ser eleito o segundo melhor programa do Brasil com o Prêmio RAPS de Inovação e Sustentabilidade e integrar o pacote de ações de sustentabilidade que garantiu o bicampeonato de Santo André no Prêmio Band Cidades Excelentes, desta vez a iniciativa que une...

Santo André recebe Prêmio Governador Franco Montoro por projeto ambiental de agricultura urbana

05/06/2024: Santo André recebe Prêmio Governador Franco Montoro por projeto ambiental de agricultura urbana

Solenidade em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente reconheceu iniciativas de 19 cidades do Estado Santo André, 5 de junho de 2024 – No Dia Mundial do Meio Ambiente, data celebrada oficialmente nesta quarta-feira (5), Santo André foi premiada pelo Governo do Estado pelo projeto ambiental “Quintal Verde”, desenvolvido pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) com apoio do Núcleo de Inovação Social, e voltado à agricultura urbana, compostagem e educação ambiental. A entrega do...

Santo André é premiada pelo Instituto Trata Brasil por investimento em saneamento básico

28/05/2024: Santo André é premiada pelo Instituto Trata Brasil por investimento em saneamento básico

Município foi destaque na categoria “Investimentos por habitante” Santo André, 27 de maio de 2024 – Santo André é novamente destaque no cenário nacional. Nesta segunda-feira (27), o município foi premiado pelo Instituto Trata Brasil na categoria “Investimentos por habitante”, comprovando o compromisso em atender às metas previstas pelo Plano Nacional de Saneamento Básico (Plansab) e levar qualidade de vida à população. O evento, 8ª edição do Prêmio Casos de Sucesso, ocorreu na sede da Fundação Getúlio Vargas (FGV),...

Comunidades atendidas pelo Moeda Verde recebem representantes de Campinas e Parauapebas

27/05/2024: Comunidades atendidas pelo Moeda Verde recebem representantes de Campinas e Parauapebas

Objetivo da troca de experiências é implementar ações similares nestas cidades Santo André, 24 de maio de 2024 – Mais uma vez, o interesse em expandir ações semelhantes ao programa Moeda Verde, que troca resíduos recicláveis por alimentos hórtifrutis, despertou interesse de outros municípios. Nesta quinta e sexta-feira (23 e 24), Santo André recebeu a visita de dois representantes interessados em implementar ação socioambiental semelhante em suas respectivas cidades. O deputado estadual por Campinas (SP), Rafael Zambaldi, participou da...