Solenidade em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente reconheceu iniciativas de 19 cidades do Estado

Santo André, 5 de junho de 2024 – No Dia Mundial do Meio Ambiente, data celebrada oficialmente nesta quarta-feira (5), Santo André foi premiada pelo Governo do Estado pelo projeto ambiental “Quintal Verde”, desenvolvido pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) com apoio do Núcleo de Inovação Social, e voltado à agricultura urbana, compostagem e educação ambiental.

A entrega do ciclo 2024 do Prêmio Governador Franco Montoro, que integra o Programa Município Verde e Azul, ocorreu na manhã desta quarta no Parque Villa Lobos, (zona oeste da capital paulista), e contou com a presença do governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas, e da secretária estadual de Meio Ambiente, Infraestrutura e Logística, Natália Resende. A premiação certificou ainda outros 18 municípios dentro das quatro categorias, gestão de água, reflorestamento urbano, agricultura urbana e periurbana e proteção da biodiversidade, que foram divididos por grupo populacional.

Santo André foi representada pela deputada estadual e primeira-dama da cidade, Ana Carolina Barreto Serra, que recebeu o certificado da premiação do governador Tarcísio de Freitas.  Os municípios de Cruzália, Pedreira, Louveira e Americana também foram certificados dentro da mesma categoria em que Santo André foi premiada.

“Com o Quintal Verde vamos ampliar as ações de educação ambiental e compostagem, unindo sustentabilidade, meio ambiente e inclusão. Também vamos beneficiar os agricultores urbanos, que produzem alimentos de qualidade para a nossa cidade. É um orgulho recebermos mais um prêmio, especialmente em uma data simbólica como esta”, diz a deputada estadual e primeira-dama de Santo André, Ana Carolina Barreto Serra.

O Quintal Verde é uma ação do Semasa que integra o Programa Composta Santo André, que visa estruturar alternativas viáveis para o tratamento de resíduos orgânicos. O Quintal Verde é um espaço preparado para vivências e formação prática da população em sistemas agroecológicos (agricultura sustentável e métodos alternativos de cultivo, sem uso de agrotóxicos), compostagem de resíduos orgânicos e educação ambiental. O objetivo é ser um instrumento de referência para os agricultores urbanos, educadores e alunos das escolas de Santo André.

O superintendente do Semasa, Ajan Marques de Oliveira, também presente no evento, explica que o Quintal Verde é composto por outras ações desenvolvidas pela autarquia. “Fizemos um mapeamento dos agricultores urbanos andreenses, cujos dados finais estão sendo compilados. Estamos ofertando gratuitamente o curso de extensão em agroecologia, com encontros teóricos e práticos, e também já realizamos os testes que originaram o composto orgânico para uso em hortas e plantas em geral”, comenta.

O primeiro Quintal Verde está sendo estruturado na Vila Guiomar e a proposta é que a cidade tenha 10 espaços como este. O local também será um ponto fixo de trocas do Programa Moeda Verde e abrigará o primeiro ponto de troca do futuro projeto Baldinho Verde, que vai trocar resíduos orgânicos encaminhados pela população do entorno por composto orgânico produzido no local e fruto do processo de compostagem realizado em cada “Quintal”.

Resíduos Sólidos

Solenidade em comemoração ao Dia Mundial do Meio Ambiente reconheceu iniciativas de 19 cidades do Estado Santo André, 5 de junho de 2024 – No Dia Mundial do Meio Ambiente, data celebrada oficialmente nesta quarta-feira (5), Santo André foi premiada pelo Governo do Estado pelo projeto ambiental “Quintal Verde”, desenvolvido pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) com apoio do Núcleo de Inovação Social, e voltado à agricultura urbana, compostagem e educação ambiental. A entrega do ciclo 2024 do Prêmio Governador Franco Montoro, que integra o Programa Município Verde e Azul, ocorreu na manhã desta quarta no Parque Villa Lobos, (zona oeste da capital paulista), e contou com a presença do governador de São Paulo, Tarcísio de Freitas, e da secretária estadual de Meio Ambiente, Infraestrutura e Logística, Natália Resende. A premiação certificou ainda outros 18 municípios dentro das quatro categorias, gestão de água, reflorestamento urbano, agricultura urbana e periurbana e proteção da biodiversidade, que foram divididos por grupo populacional. Santo André foi representada pela deputada estadual e primeira-dama da cidade, Ana Carolina Barreto Serra, que recebeu o certificado da premiação do governador Tarcísio de Freitas.  Os municípios de Cruzália, Pedreira, Louveira e Americana também foram...

Leia mais

Objetivo da troca de experiências é implementar ações similares nestas cidades Santo André, 24 de maio de 2024 – Mais uma vez, o interesse em expandir ações semelhantes ao programa Moeda Verde, que troca resíduos recicláveis por alimentos hórtifrutis, despertou interesse de outros municípios. Nesta quinta e sexta-feira (23 e 24), Santo André recebeu a visita de dois representantes interessados em implementar ação socioambiental semelhante em suas respectivas cidades. O deputado estadual por Campinas (SP), Rafael Zambaldi, participou da troca no Jardim Cristiane, acompanhado da também deputada estadual e primeira-dama de Santo André, Ana Carolina Barreto Serra, da presidente do Núcleo de Inovação Social, Ana Claudia de Fabris, e da coordenadora operacional do Moeda Verde e gerente de coleta de resíduos sólidos do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental e Santo André), Flávia Gomes Donon. “Hoje, tive a oportunidade de conhecer esse projeto social fantástico que tem transformado a vida de muitas pessoas aqui no município de Santo André. Além de impactar na vida de outras pessoas, a ação contribui com a retirada dos resíduos das ruas e dá uma destinação mais adequada. Nós precisamos ter mais exemplos como esse espalhados por todo o Brasil”, destacou o parlamentar. Já...

Leia mais

  Evento de saneamento ocorre no fim deste mês em Ribeirão Preto Santo André, 7 de maio de 2024 – Multiplicar as boas práticas de gestão pública voltadas ao manejo de resíduos sólidos e à educação ambiental, e compartilhar conhecimento com outras cidades do país são os objetivos das apresentações que os técnicos do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) farão durante o 52º Congresso Nacional da Assemae (Associação Nacional dos Serviços Municipais de Saneamento). O evento ocorre entre os dias 20 e 24 de maio em Ribeirão Preto, interior de São Paulo. Os dois trabalhos inscritos pela autarquia foram selecionados pela comissão da entidade para apresentações orais durante os dias de evento. Esta é mais uma oportunidade do Semasa mostrar as iniciativas de sucesso desenvolvidas em solo andreense. O primeiro projeto a ser apresentado traz a trajetória do trabalho técnico socioambiental desenvolvido pela Gerência de Educação e Mobilização Ambiental do Semasa na execução dos dez novos ecopontos do município. Entre as atividades desenvolvidas durante os trabalhos, destacam-se a pesquisa para compreender os hábitos da população sobre o descarte de resíduos e a formação com cooperados sobre manejo de resíduos eletroeletrônicos. O segundo trabalho trata dos...

Leia mais

Indicadores são da Secretaria Estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente Santo André, 30 de abril de 2024 – Destaque em sustentabilidade e políticas públicas ambientais, Santo André tem a melhor gestão de resíduos da Região Metropolitana de São Paulo, de acordo com o relatório anual do Índice de Gestão de Resíduos Sólidos (IGR), divulgado pela Secretaria Estadual de Infraestrutura e Meio Ambiente. Mais uma vez, os serviços realizados pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) foram classificados como gestão eficiente, com nota 9,70, à frente da própria Capital. Entre as grandes cidades do Estado, Santo André segue sendo a primeira. O topo do ranking é ocupado pelo município de Valparaíso, localizado no noroeste do Estado, e com população de pouco mais de 24 mil habitantes (de acordo com o último Censo do IBGE). O IGR avalia anualmente os municípios paulistas com vistas a oferecer ferramentas para melhoria das políticas públicas em âmbito estadual e municipal. Por meio do Semasa, Santo André atua em diversas frentes que contribuem para que a gestão de resíduos seja eficiente e funcione em favor da população e do meio ambiente. Desde a operação em si, com a coleta porta a porta,...

Leia mais

Local recebeu nova estrutura para melhorar atendimento aos munícipes e proporcionar mais comodidade aos zeladores Santo André, 29 de abril de 2024 – O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) reabriu na manhã desta segunda-feira (29) a Estação de Coleta Bom Pastor. Localizada no bairro de mesmo nome, o ecoponto estava em reforma desde o dia 27 de fevereiro. O equipamento público passou por reforma completa com o intuito de melhorar o atendimento aos munícipes e proporcionar um ambiente de trabalho mais seguro e organizado para os zeladores. Dentre as melhorias feitas, destacam-se uma nova guarita e a instalação de câmeras de monitoramento para reforçar a segurança do local e inibir problemas como furtos, invasões e descarte irregular de resíduos. Todo o espaço da unidade foi pavimentado, substituindo o solo de terra, e uma nova área verde foi adicionada para melhorar o escoamento da água da chuva. O muro foi reconstruído e equipado com gradil, contribuindo para a proteção do local. Entre os materiais aceitos nesse ecoponto estão: entulho, móveis, restos de pequenas construções, pneus, poda de vegetação, telha e fibra de amianto, colchões, estofados, isopor grande, eletroeletrônicos e eletrodomésticos, madeira, recicláveis, bem como óleo de...

Leia mais

  Ação socioambiental do Semasa chegou a sua 14ª edição espalhando solidariedade e sustentabilidade   Santo André, 20 de abril de 2024 – Vizinhos, amigos, crianças e familiares se reuniram animados para participar do Breshopping Sustentável, na manhã deste sábado (20), no Núcleo dos Eucaliptos (Vila João Ramalho). Os moradores levaram para casa cerca de duas mil peças de roupas femininas, masculinas e infantis, além de calçados e acessórios.   Promovido pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), com apoio do Fundo Social de Solidariedade, os itens distribuídos foram doados nas Estações de Coleta da cidade. “Após chegarem aos ecopontos, a nossa equipe faz a separação das peças, que posteriormente são encaminhadas para lavagem ecológica. Uma ação que une sustentabilidade e solidariedade, e que colabora com a vida útil do Aterro Sanitário municipal”, explica o gerente das Estações de Coleta do Semasa, Wellington Octavio Vasconcelos Gerrhein.   Nesta edição, a 14ª desde que o projeto foi idealizado pela autarquia em 2021, os participantes puderam levar até cinco peças para casa. Itens como bijuterias e bonés foram brinde e fizeram a alegria das crianças. “Não conhecia esse projeto e gostei muito. Tem bastante coisa boa. Estou levando...

Leia mais