22/08/2019 Semasa reduz em quase 20% o número de pontos irregulares de descarte de resíduos

Queda é resultado do trabalho contínuo de monitoramento e de revitalizações, como pintura e plantio, nos locais

Santo André, 22 de agosto de 2019 – O trabalho contínuo de monitoramento e revitalizações realizado pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) reduziu, nos últimos dois anos, em 18% o número de pontos irregulares de descarte de resíduos na cidade. Em 2017, a cidade contabilizava 68 pontos, contra 56 atualmente.

Uma das principais frentes do Semasa neste ano para diminuir ainda mais a quantidade de áreas degradadas tem sido o combate aos pontos que ficam nas divisas de Santo André com a zona leste da capital, principalmente nos pontilhões que cruzam o córrego Oratório. Neste semestre, três locais na divisa deixaram de ser prejudicados pelo despejo de materiais e ganharam um novo cenário.

O pontilhão da rua Maestro Erlon Chaves, na Vila Clarice, começou a passar pelo processo de transformação em abril. Os trabalhos de melhorias iniciaram em parceria com a Ecourbis – empresa responsável pelos serviços de coleta, transporte e destinação de resíduos na capital –, que retirou as caçambas que ficavam no espaço e eram usadas por uma comunidade vizinha, o que agravava a situação do descarte. Após, a equipe do Semasa trabalhou para implantar um novo calçamento e muretas, aumentando a segurança dos pedestres. As intervenções, que também envolveram nova pintura, ficaram prontas em maio.

Na avenida João Pessoa, no Jardim Utinga, o ponto foi eliminado com a ajuda de um condomínio localizado ao lado do pontilhão. Os moradores instalaram placas proibitivas de descarte e câmeras de monitoramento, permitindo que o Semasa utilize as imagens para penalizar infratores por descarte irregular. O condomínio também colaborou na limpeza do local, realizando inclusive a pintura no espaço com tintas cedidas pelas estações de coleta da autarquia.

Só em 2018, o Semasa gastou cerca de R$ 320 mil na limpeza dos pontos Erlon Chaves e na João Pessoa. No primeiro local, a equipe de limpeza retirou 1.035 toneladas de recicláveis e, até abril de 2019, 504 toneladas.

Outra via beneficiada do Jardim Utinga foi o pontilhão da rua Miguel Gustavo, que também teve caçambas retiradas da área, a calçada e a mureta revitalizadas e o muro pintado com o apoio da população. Além disso, a Prefeitura doou mudas para serem plantadas no local. Até junho deste ano, o serviço de limpeza custou aos cofres públicos mais de R$ 194 mil.

“A situação está bem melhor. Ficava muito lixo aqui, era mosquito dentro da minha casa, fora o lixo dentro do córrego. O cheiro era muito forte e agora isso acabou. Nunca mais vi acúmulo de materiais aqui”, disse Fabiana de Lisboa Reis, que mora ao lado do local.

Jardim Santo André – Longe das divisas com a capital, outra ação importante no combate aos pontos irregulares de descarte tem ocorrido no Jardim Santo André. Além da implantação do programa Moeda Verde no bairro, nos núcleos Cruzado I e II, moradores e estudantes da região têm recebido orientação, com ações de educação ambiental, sobre a importância do descarte correto de resíduos.

O local onde existia um dos maiores pontos de descarte irregular no bairro, na travessa 16 da rua Lamartine, recebeu, em junho, benfeitorias como a restauração do passeio e novos plantios, além da retirada de caçambas. Por causa do descarte de resíduos, o Semasa gastou aproximadamente R$ 83 mil.

ImprimirGerar PDFEnvie para um amigo

NOTÍCIAS

Operação de fiscalização interdita três estabelecimentos por excesso de ruído em Santo André

18/04/2024: Operação de fiscalização interdita três estabelecimentos por excesso de ruído em Santo André

Ação do Semasa ocorreu nos bairros Jardim do Estádio, Vila Assunção e Jardim Santa Cristina Santo André, 17 de abril de 2024 – Em continuidade às ações que visam combater a poluição sonora e garantir o bem-estar da população, o Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) interditou três estabelecimentos comerciais nesta última semana. Os locais registravam reclamações recorrentes por parte da população, além de já terem sido autuados pela fiscalização ambiental da autarquia. O primeiro, situado...

Núcleo Eucaliptos recebe Breshopping Sustentável neste sábado

17/04/2024: Núcleo Eucaliptos recebe Breshopping Sustentável neste sábado

Evento será realizado das 10h às 15h, na quadra da comunidade; munícipes poderão escolher até três peças do vestuário Santo André, 16 de abril de 2024 – Solidariedade e sustentabilidade serão colocadas em prática neste sábado (20) para os moradores do Núcleo Eucaliptos, que serão beneficiados com a primeira edição do Breshopping Sustentável deste ano. A iniciativa é promovida pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), em parceria com o Núcleo de Inovação Social da Prefeitura...

Doações nos ecopontos de Santo André beneficiam crianças do Jardim Alzira Franco

17/04/2024: Doações nos ecopontos de Santo André beneficiam crianças do Jardim Alzira Franco

Projeto do Semasa com o apoio do Fundo Social de Solidariedade entregou cerca de 500 brinquedos neste sábado Santo André, 13 de abril de 2024 – A andreense Solange Oliveira, moradora do Jardim Alzira Franco, não imaginava que voltaria para casa neste sábado (13) com dois patinetes para as suas filhas Elisa e Emily, de 4 e 5 anos. A surpresa ocorreu com a realização da 14ª edição do projeto Gincana Ecológica, que distribui brinquedos gratuitamente para as crianças,...

Semasa abre inscrições para curso gratuito de extensão em agroecologia

12/04/2024: Semasa abre inscrições para curso gratuito de extensão em agroecologia

Formação teórico-prática tem encontros até dezembro e é voltada especialmente para os agricultores urbanos de Santo André Santo André, 11 de abril de 2024 – O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), por meio do programa Composta Santo André, abre vagas para o curso de extensão em agroecologia. A formação é totalmente gratuita, ocorrerá de abril a dezembro, e é especialmente voltada aos agricultores urbanos que atuam na cidade, também conhecidos como hortelões. Haverá certificado para...