Entre sexta-feira e a madrugada deste domingo, também ocorreram seis advertências ambientais

Santo André, 27 de março de 2022 – Durante a Operação Sono Tranquilo deste fim de semana, a Prefeitura de Santo André, por meio do Departamento de Controle Urbano, o Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) e a Guarda Civil Municipal percorreram cerca de 80 locais para garantir o cumprimento da lei e impedir problemas de poluição sonora. Entre sexta-feira (25) e esta madrugada deste domingo (26), 11 estabelecimentos foram multados por ruído excessivo e seis ganharam advertências ambientais.

Na sexta, as multas somaram mais de R$ 8.500,00. Os bares que receberam a punição estão localizados nas ruas das Figueiras (Jardim), Silvinha Téles (Vila Camilópolis), Coronel Seabra (Vila Marina), Barra Mansa (Jardim Bela Vista), Abolição (Vila São Pedro) e Alameda São Caetano (Jardim).

Entre sábado e a madrugada de domingo, houve aplicação de multas em estabelecimentos que ficam na Alameda São Caetano (Jardim), na Rua Silvinha Téles (Vila Camilópolis) e nas avenidas Utinga (Utinga) e das Nações (Parque Novo Oratório). O valor total foi de mais de R$ 7.200,00.

A Operação Sono Tranquilo é realizada desde 2017 para combater som alto e outros delitos que perturbam o sossego da população. Algumas operações também contam com o apoio das Polícias Civil e Militar.

Munícipes que são afetados por barulho excessivo em bares, igrejas e escolas de samba podem abrir reclamação no site do Semasa, em http://www.semasa.sp.gov.br/servicos-ao-usuario/. A recomendação é de que a denúncia, feita de forma sigilosa, ocorra no momento em que acontece o problema.

Fiscalização Ambiental

Entre sexta-feira e a madrugada deste domingo, também ocorreram seis advertências ambientais Santo André, 27 de março de 2022 – Durante a Operação Sono Tranquilo deste fim de semana, a Prefeitura de Santo André, por meio do Departamento de Controle Urbano, o Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) e a Guarda Civil Municipal percorreram cerca de 80 locais para garantir o cumprimento da lei e impedir problemas de poluição sonora. Entre sexta-feira (25) e esta madrugada deste domingo (26), 11 estabelecimentos foram multados por ruído excessivo e seis ganharam advertências ambientais. Na sexta, as multas somaram mais de R$ 8.500,00. Os bares que receberam a punição estão localizados nas ruas das Figueiras (Jardim), Silvinha Téles (Vila Camilópolis), Coronel Seabra (Vila Marina), Barra Mansa (Jardim Bela Vista), Abolição (Vila São Pedro) e Alameda São Caetano (Jardim). Entre sábado e a madrugada de domingo, houve aplicação de multas em estabelecimentos que ficam na Alameda São Caetano (Jardim), na Rua Silvinha Téles (Vila Camilópolis) e nas avenidas Utinga (Utinga) e das Nações (Parque Novo Oratório). O valor total foi de mais de R$ 7.200,00. A Operação Sono Tranquilo é realizada desde 2017 para combater som alto e outros delitos...

Leia mais

Locais possuíam amplo histórico de reclamações e incidentes Santo André, 23 de março de 2022 – Equipes do Departamento de Controle Urbano da Prefeitura de Santo André e da Fiscalização Ambiental do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) interditaram com barreiras de concreto três bares por problemas de barulho e funcionamento sem autorização. A ação desta quarta-feira (23) contou com apoio da GCM (Guarda Civil Municipal). O primeiro estabelecimento, uma tabacaria que também funcionava como bar, localizado na rua Tom Jobim (Jardim Santo André) em frente à UPA (Unidade de Pronto Atendimento), promovia eventos com som alto durante toda a madrugada, inclusive em dias de semana. A autarquia já havia emitido quatro Autos de Infração Ambiental (multa) e realizado orientação junto ao responsável, no entanto o problema persistia. Em quase um mês, mais de 100 reclamações foram registradas junto ao Semasa. O segundo local, na rua Chapecó (Vila Amabile Pezzolo), já acumulava uma Advertência Ambiental e sete multas. O bar funciona próximo a residências com registros de música acima dos limites permitidos também ao longo da madrugada. Já o terceiro bar, na rua das Figueiras (Jardim), não possuía Alvará de Funcionamento, AVCB (Auto de Vistoria do...

Leia mais

Infratores foram identificados e vão responder por crime ambiental, com recebimento de multas que somam mais de R$ 12 mil; urutau não sobreviveu após sofrer várias lesões Vídeo: https://we.tl/t-1Qb56O7M8G   Santo André, 26 de fevereiro de 2022 – Uma ave urutau (Nyctibius griseus) e um pássaro coleirinho (Sporophila caerulescens) foram vítimas de caça ilegal em uma área do Parque do Pedroso, que é uma Unidade de Conservação e cuja prática, portanto, é crime ambiental. Após denúncia de um frequentador do local, os infratores foram pegos em flagrante pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) e pela Polícia Ambiental. Os responsáveis foram encaminhados ao 6º Distrito Policial de Santo André na noite da última sexta-feira (25) e podem receber multas que somam mais de R$ 12 mil.   O urutau foi encontrado ainda com vida, mas não sobreviveu após sofrer várias lesões causadas com ataques por pedras. “O coleirinho será encaminhado ao Craspet (Centro de Reabilitação de Animais Silvestres do Parque Ecológico do Tietê) para ser reabilitado e posteriormente solto”, explica a bióloga e encarregada do Departamento de Proteção e Bem-estar Animal da Prefeitura de Santo André, Daniela Freire.   A Polícia Ambiental apreendeu dois facões, sete pedras,...

Leia mais

Semasa, GCM e Departamento de Controle Urbano realizam vistorias pelo segundo final de semana consecutivo Vídeos: https://we.tl/t-XzXeFullQx Santo André, 20 de fevereiro de 2022 – As equipes de Fiscalização Ambiental do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), da Guarda Civil Municipal (GCM) e do Departamento de Controle Urbano da Prefeitura seguem unindo esforços para combater os problemas relacionados à perturbação de sossego de Santo André. Neste segundo final de semana de operação integrada, 15 estabelecimentos foram autuados por barulho e uma festa foi dispersada na Vila Príncipe de Gales. Foram 73 endereços vistoriados entre a noite de sexta-feira e sábado (dias 18 e 19) em diversos bairros da cidade e também em regiões afastadas do Centro. No total, o Semasa emitiu dez Autos de Infração Ambiental (equivalente a multa) e cinco advertências para bares localizados nos bairros Jardim, Santa Terezinha, Vila Linda, Bom Pastor, Parque das Nações, Vila Príncipe de Gales, Campestre, Parque Oratório, Casa Branca e Vila Assunção. Na praça entre as ruas Gertrudes de Lima e Dom Duarte Leopoldo e Silva (Centro), as equipes também dispersaram dezenas de jovens que se reuniam em bares do local. A área tem recebido atenção constante por parte da...

Leia mais

Operação integrada contou com apoio da GCM e DCUrb Santo André, 12 de fevereiro de 2022 – Em continuidade às ações para combater os problemas de perturbação de sossego e ruído acima do permitido, a equipe de Fiscalização Ambiental do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) , com apoio da Guarda Civil Municipal e do Departamento de Controle Urbano da Prefeitura, autuou 20 estabelecimentos comerciais durante a última madrugada. Ao todo, a operação integrada vistoriou 43 bares do município em mais de 20 bairros e dentro de comunidades. Quatro estabelecimentos, nos bairros Vila João Ramalho, Jardim Santa Cristina, Santa Terezinha e Vila Metalúrgica receberam Auto de Infração Ambiental (equivalente a multa) por barulho excessivo. Os mesmos locais já eram monitorados pela autarquia e já haviam sido orientados anteriormente. Ainda, 16 bares e adegas também foram alvo de medições e receberam advertência ambiental. Ao longo do final de semana, a equipe de fiscalização segue de plantão e pronta para realizar outras operações e atender os chamados pontuais registrados pelos munícipes. Nesta última semana, o Semasa e a Prefeitura interditaram três bares – dois no Jardim Santo André e um no Jardim Santa Cristina – também por perturbação...

Leia mais

Durante show, integrantes utilizaram artigos pirotécnicos no palco; Corpo de Bombeiros foi acionado durante a madrugada Santo André, 15 de janeiro de 2022 – A casa noturna Labirinto Lounge Bar, localizada na rua Carijós, foi interditada pelas equipes do Departamento de Controle Urbano da Prefeitura de Santo André e da Fiscalização Ambiental do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) na manhã deste sábado (15). O local realizava uma festa com música ao vivo e, no palco durante o show, foi aceso um artefato pirotécnico dentro do ambiente fechado. O Corpo de Bombeiros foi acionado durante a última madrugada. Ao acender o objeto no palco, a fumaça se espalhou pelo ambiente fechado, causando tumulto entre os frequentadores da festa. Não houve incêndio, nem feridos e o local foi esvaziado ainda durante a madrugada pela Polícia Militar. O caso é similar ao que ocasionou a tragédia na Boate Kiss, há oito anos, na cidade de Santa Maria, no Rio Grande do Sul. Com apoio da GCM (Guarda Civil Municipal), a Prefeitura e o Semasa instalaram barreiras de concreto na manhã deste sábado e procederam com a interdição do local, de forma a destacar que a tolerância é zero...

Leia mais