09/08/2019 Com música e outros materiais, jovens da Fundação Casa propõem soluções para problemas ambientais

Reflexões sobre o tema são fruto do projeto ‘Formar para Ressocializar’, desenvolvido pelo Semasa com adolescentes da unidade de Santo André

Santo André, 9 de agosto de 2019 – O projeto ‘Formar para Ressocializar’, iniciativa do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) que visa compartilhar informações sobre meio ambiente e formar jovens críticos e com ações sustentáveis, chegou à sua quinta edição na Fundação Casa em Santo André. Como fruto do trabalho desenvolvido entre março e agosto, cerca de 60 adolescentes que cumprem medida socioeducativa pela primeira vez fizeram materiais que trazem soluções para problemas ambientais.

Os trabalhos, feitos a partir de temas que correlacionam o homem, a natureza e o desenvolvimento sustentável, envolveram a criação de maquetes, poemas, cartazes e música com foco em assuntos sobre resíduos, recursos hídricos, poluição do ar, desmatamento e enchente. Eles foram expostos durante a cerimônia de encerramento do projeto, que aconteceu nesta sexta-feira (9) e foi aberta aos familiares dos adolescentes.

Um dos trabalhos desenvolvidos pelos rapazes foi a letra de um funk, que adverte sobre o equívoco de não se preocupar com o futuro do planeta e com a preservação ambiental. Diz um trecho da letra: “Tô fazendo esse funk pra deixar vocês cientes. Vamos cuidar do planeta e colaborar com a gente. Jogar o lixo no lixo, pra não causar enchente. Pra não prejudicar o nosso meio ambiente! Vou explicar pra vocês o motivo do alagamento. Pessoas não pensam no futuro, elas só vivem de momento”.

Durante a formação, a encarregada de extensão ambiental do Semasa, Cleonice de Almeida Pinto, destacou que os garotos tiveram facilidades em trabalhar com a temática. “O resultado final do projeto foi muito interessante. Eles conseguiram correlacionar as problemáticas ambientais e refletir as soluções para os problemas. Eu espero que eles sejam multiplicadores de práticas sustentáveis e ajudem a conservar e a melhorar o nosso meio ambiente”, disse.

Para um dos jovens participantes, o Semasa “foi uma luz no fim do túnel” porque a conscientização ambiental dele estava “escondida”. “Quando a gente destrói o meio ambiente, estamos nos autodestruindo”, refletiu.

O evento de encerramento dos trabalhos ambientais também teve apresentação instrumental com o grupo musical do Instituto São Jerônimo, composto por jovens da comunidade Cata Preta e do entorno, em Santo André, que vivem em situação de vulnerabilidade social.

 

ImprimirGerar PDFEnvie para um amigo

NOTÍCIAS

Com aumento de casos de coronavírus, Semasa reforça desinfecção de ruas e avenidas

27/02/2021: Com aumento de casos de coronavírus, Semasa reforça desinfecção de ruas e avenidas

Serviço de limpeza é feito principalmente próximo a unidades de saúde, hospitais de campanha e locais onde há maior fluxo de pessoas Santo André, 27 de fevereiro de 2021 – Em meio ao aumento de diagnósticos positivos do novo coronavírus, as equipes do setor de drenagem do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) intensificaram os trabalhos de desinfecção de ruas e avenidas do município, o que ajuda a prevenir novos casos de contágio. A limpeza das...

Santo André intensifica diálogo social para promover maior transparência sobre o Complexo Viário Cassaquera

26/02/2021: Santo André intensifica diálogo social para promover maior transparência sobre o Complexo Viário Cassaquera

Santo André, 26 de fevereiro de 2021 – Com o objetivo de promover uma maior aproximação dos moradores de Santo André com as obras do Complexo Viário Cassaquera, o Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) voltou a realizar reuniões com a população. Nesta semana, nos dias 23 e 25, profissionais da autarquia se reuniram com pessoas que residem nos bairros Centreville, Parque Gerassi, Vila Guarani e Vila Homero Thon para apresentar informações sobre as obras de canalização...

Semasa abre licitação para construção de dez Estações de Coleta

24/02/2021: Semasa abre licitação para construção de dez Estações de Coleta

Expectativa é entregar os novos equipamentos ainda neste ano Santo André, 24 de fevereiro – O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) abriu nesta quarta-feira (24) licitação internacional para contratar empresa para construir mais dez Estações de Coleta na cidade. A execução do projeto executivo dos novos equipamentos e as obras fazem parte do Programa Sanear Santo André, cujas intervenções são financiadas parcialmente pela CAF – Banco de Desenvolvimento da América Latina. A previsão da autarquia...

Semasa e GCM firmam parceria para coibir furto de equipamentos de drenagem na Vila Luzita

19/02/2021: Semasa e GCM firmam parceria para coibir furto de equipamentos de drenagem na Vila Luzita

Desde janeiro, 19 ralos grelhas sumiram do calçadão na rua Alcides Maia; falta de dispositivos pode ocasionar acidentes e alagamentos Santo André, 19 de fevereiro de 2021 – O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) e a GCM (Guarda Civil Municipal) estão trabalhando juntos para coibir um problema que vem ocorrendo no calçadão da rua Alcides Maia, na Vila Luzita: o furto de ralos grelhas. Desde janeiro, 19 dispositivos – que são fundamentais para captar a...