18/06/2019 Semana do Resíduo Eletroeletrônico recebe mais de 600 equipamentos para descarte correto

Ação pioneira do Semasa para conscientizar a população sobre os danos do e-lixo supera as expectativas

Santo André, 17 de junho de 2019 – A semana especial de coleta de resíduos eletroeletrônicos, o chamado e-lixo, realizada pela primeira vez pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), arrecadou mais de 600 aparelhos sem uso, impedindo o descarte incorreto desse tipo de resíduo e estimulando a reciclagem. A Semana do Resíduo Eletroeletrônico no Paço Municipal foi realizada entre os dias 10 e 14 deste mês e superou as expectativas.

“Tratou-se de uma iniciativa de educação ambiental com foco na conscientização sobre o descarte e o impacto ambiental dosresíduos eletroeletrônicos. Avaliamos que os resultados foram excelentes e os munícipes abraçaram a ideia. Eles nos pediram que mais ações como esta fossem repetidas com maior frequência. Já começamos a analisar a possibilidade”, comentou o superintendente do Semasa, Almir Cicote.

Durante a ação, que faz parte do Junho Verde (mês com programação dedicada ao meio ambiente), mais de 140 pessoas entregaram ao Semasa celulares, DVDs, Tvs, tablets, carregadores, rádio, torradeira elétrica, cabos, telefones fixos, dentre outros, que não tinham mais conserto e estavam guardados há um bom tempo.

“Eu juntei em casa vários celulares antigos. Passei no Paço Municipal, vi o pessoal montar a tenda e quis vir aqui de novo para descartar os aparelhos”, disse  a servente geral Lídia Alves Bezerra, que é moradora do bairro São Matheus, em São Paulo, e aproveitou a iniciativa de Santo André para dar destino correto aos celulares.

Assim que soube da iniciativa, o aposentado José Roberto Pântano, da Vila Bastos, reuniu os seus e os aparelhos dos familiares para levar até o ponto de coleta. Foram tantos eletroeletrônicos que ele precisou da ajuda de um carrinho de supermercado para fazer o transporte.  “A iniciativa é superlegal. Se você joga eletrônicos em qualquer lugar, como o pessoal faz, você está detonando o meio ambiente. Eu costumo entregar os objetos em uma Estação de Coleta, mas como apareceu essa ação, eu quis vir para cá”, explicou.

Estações de Coleta – As Estações de Coleta do Semasa, localizadas em 21 bairros de Santo André, já recebem gratuitamente o e-lixo e os destina para as duas cooperativas de reciclagem parceiras da cidade. Dados do Plano Municipal de Gestão Integrada deResíduos Sólidos dão a estimativa de que a produção per capita anual de lixo eletroeletrônico no município é de 3,4 kg/habitante ou, aproximadamente, 2.400 toneladas por ano.

Nesta semana de coleta especial, o objetivo do Semasa foi também divulgar este trabalho já realizado nas Estações de Coleta, além conscientizar a população sobre os danos ao meio ambiente que o descarte incorreto do e-lixo pode causar,  pois eles contêm em sua composição materiais tóxicos prejudiciais à saúde, como chumbo, mercúrio e arsênio.  Os equipamentos arrecadados na ação foram encaminhados ao Projeto Lapidar, entidade social que atua com crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade social.

Além dos resíduos eletroeletrônicos, as Estações de Coleta do Semasa também recebem recicláveis e resíduos volumosos, como móveis, restos de pequenas construções, pneus, além de óleo de cozinha.

Confira os endereços das Estações de Coleta aqui.

ImprimirGerar PDFEnvie para um amigo

NOTÍCIAS

Semasa abre licitação para construção de dez Estações de Coleta

24/02/2021: Semasa abre licitação para construção de dez Estações de Coleta

Expectativa é entregar os novos equipamentos ainda neste ano Santo André, 24 de fevereiro – O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) abriu nesta quarta-feira (24) licitação internacional para contratar empresa para construir mais dez Estações de Coleta na cidade. A execução do projeto executivo dos novos equipamentos e as obras fazem parte do Programa Sanear Santo André, cujas intervenções são financiadas parcialmente pela CAF – Banco de Desenvolvimento da América Latina. A previsão da autarquia...

Semasa e GCM firmam parceria para coibir furto de equipamentos de drenagem na Vila Luzita

19/02/2021: Semasa e GCM firmam parceria para coibir furto de equipamentos de drenagem na Vila Luzita

Desde janeiro, 19 ralos grelhas sumiram do calçadão na rua Alcides Maia; falta de dispositivos pode ocasionar acidentes e alagamentos Santo André, 19 de fevereiro de 2021 – O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) e a GCM (Guarda Civil Municipal) estão trabalhando juntos para coibir um problema que vem ocorrendo no calçadão da rua Alcides Maia, na Vila Luzita: o furto de ralos grelhas. Desde janeiro, 19 dispositivos – que são fundamentais para captar a...

Mata Atlântica é tema de curso on-line gratuito em fevereiro

17/02/2021: Mata Atlântica é tema de curso on-line gratuito em fevereiro

Formação oferecida pelo Semasa já está com inscrições abertas Santo André, 17 de fevereiro de 2021 – A Mata Atlântica é um bioma presente em 17 Estados do Brasil, mas hoje em dia – por causa do desmatamento – restam apenas 12% da floresta que existia originalmente. Essa vegetação está mais próxima do que imaginamos. E pra falar um pouco mais sobre este riquíssimo bioma e a importância da sua conversação, a equipe de Educação Ambiental do Semasa (Serviço...

Plantão social do Complexo Viário Cassaquera ganha novo local

08/02/2021: Plantão social do Complexo Viário Cassaquera ganha novo local

Santo André, 8 de fevereiro de 2020 – O plantão social que atende moradores impactados pelas intervenções do Complexo Viário Cassaquera, em Santo André, está de endereço novo. A partir desta segunda-feira (8), o local passa a funcionar na avenida Pedro Américo, s/n, junto ao canteiro de obras. O horário de funcionamento do plantão, realizado pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), também foi ampliado. Quem quiser buscar atendimento para saber mais informações sobre a canalização...