23/04/2019 Semasa intensifica combate a furto de água e número de fraudes constatadas aumenta 23%

Em 2018, equipes da autarquia descobriram 972 violações

Uma das ferramentas de combate às perdas de água em Santo André é o trabalho constante do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) para coibir as ligações clandestinas e os furtos de água. Desde o início da atual gestão, a autarquia intensificou as fiscalizações e, entre 2017 e 2018, o aumento nas fraudes constatadas foi de 23%.

Em 2018, as equipes do Semasa flagraram 972 irregularidades em ligações de água. Em 2017, esse número foi de 786. As fraudes constatadas nestes dois últimos anos correspondem a um desvio de água estimado em 341.475m³, quantidade suficiente para abastecer mil famílias com quatro pessoas por dois anos.

As principais irregularidades verificadas são manipulação da ligação no cavalete (45%) ou do lacre (39%). Também ocorrem casos de violação da interrupção (corte) no abastecimento diretamente na calçada (4%); fraude no hidrômetro, inserindo equipamentos ou objetos, como imãs, ou perfurando a cúpula (10%); e ligações clandestinas, do tipo by-pass (2%) – quando a água entra no imóvel sem passar pela contabilização do hidrômetro.

Além de contribuir para reduzir o desperdício de água no município, o combate às fraudes evita o comprometimento do abastecimento de uma região, já que, dependendo do caso, uma ligação de água irregular pode provocar a contaminação da rede de água.

As verificações ocorrem a partir de denúncias feitas diretamente à autarquia (pelos canais oficias do Semasa), e também em vistorias em casos que geram a suspeita do furto de água, como divergências na leitura, ligações fechadas (cortadas) e imóveis com consumo abaixo do padrão considerado normal. O Semasa conta com uma equipe de 25 agentes de fiscalização, que atuam em todo município.

Quando constatada a fraude, o morador é notificado e tem 30 dias para recurso. A multa por violação em ligação de água tem o valor mínimo de 1.000 FMPs, o que corresponde hoje a R$ 4.028,30, podendo chegar até 10.000 FMPs (R$ 40.283,00), dependendo da sua categoria de consumo.

ImprimirGerar PDFEnvie para um amigo

NOTÍCIAS

Coleta de resíduos porta a porta é o melhor serviço de Santo André, em pesquisa do Indsat

26/05/2022: Coleta de resíduos porta a porta é o melhor serviço de Santo André, em pesquisa do Indsat

  Levantamento aponta que 77% dos munícipes aprovam o serviço do Semasa   Santo André, 26 de maio de 2022 – Pesquisa recente divulgada pelo Indsat (Indicadores de Satisfação dos Serviços Públicos) mostrou que a coleta de resíduos de Santo André, realizada pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), é o melhor serviço público da cidade, na avaliação dos moradores.   A coleta porta a porta recebeu um total de 749 pontos, entre os 16 serviços...

Semasa abre inscrições para projeto ‘Do Sólido ao Gasoso’, que vai estudar reutilização do biogás do Aterro Sanitário

25/05/2022: Semasa abre inscrições para projeto ‘Do Sólido ao Gasoso’, que vai estudar reutilização do biogás do Aterro Sanitário

  Iniciativa também vai permitir a elaboração de uma política ambiental para redução dos gases do efeito estufa provenientes da decomposição dos resíduos   Santo André, 25 de maio de 2022 – O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) está com inscrições abertas para interessados em participar do projeto ‘Do Sólido ao Gasoso – Descobrindo as rotas finais dos resíduos sólidos urbanos’, que vai estudar a viabilidade de reaproveitamento do biogás gerado no Aterro Sanitário municipal....

Pioneiro na região do ABC, Programa de Coleta Seletiva de Santo André celebra 25 anos com avanços importantes

23/05/2022: Pioneiro na região do ABC, Programa de Coleta Seletiva de Santo André celebra 25 anos com avanços importantes

Mais de 200 mil toneladas de recicláveis foram reaproveitadas pelas indústrias e deixaram de ter como destino o Aterro Sanitário Municipal Santo André 23 de maio de 2022 – Foi em 1997, na Vila Pires, que Santo André começou o projeto piloto para implantar o Programa de Coleta Seletiva. O município tornou-se o primeiro da região do ABC a ter o serviço de coleta de resíduos secos porta a porta, permitindo que mais de 200 mil toneladas de metal,...

Representantes de São Carlos visitam Santo André para conhecer programa Moeda Verde

16/05/2022: Representantes de São Carlos visitam Santo André para conhecer programa Moeda Verde

Equipe do interior paulista deseja implantar iniciativa semelhante na cidade   Santo André, 13 de maio de 2022 – Moradores do Núcleo Pintassilva receberam nesta sexta-feira (13) a visita de representantes da prefeitura e da Câmara Municipal de São Carlos, cidade do interior de São Paulo, que vieram conhecer mais sobre o programa Moeda Verde.   A comitiva era formada pelo secretário de Agricultura e Abastecimento, Wellington Fábio Cervini; por representante da Secretaria de Meio Ambiente, Ciência, Tecnologia e...