29/10/2018 Nota conjunta contra a Medida Provisória 844/2018

Os municípios brasileiros, entidades do saneamento básico e organizações da sociedade civil reforçam o posicionamento contrário à Medida Provisória (MP) 844, de 06 de julho de 2018, que altera o marco legal do saneamento no Brasil. É consenso entre as entidades que as mudanças propostas pela MP não serão capazes de enfrentar os problemas do saneamento básico, trazendo ainda mais insegurança jurídica, com a iminente desestruturação das políticas públicas do setor.

Trata-se de uma MP inconstitucional, que afeta a titularidade municipal, o subsídio cruzado e a lógica dos ganhos de escala, prejudicando os municípios mais pobres e gerando um grande risco de aumento das tarifas de água e esgoto em todo o país. Nesse contexto, estará comprometida a universalização dos serviços. E a MP, ao contrário do defendido pelo Governo Federal, promoverá a desestruturação do setor de saneamento, agravando as diferenças entre cidades ricas e pobres.

Diante dessa ameaça, as entidades conclamam o Congresso Nacional para a rejeição da MP 844, encerrando sua vigência e a tramitação da proposta.

A partir da rejeição da MP, as entidades se comprometem a participar da construção democrática de uma proposta de modernização para o setor de saneamento básico, que, de fato, contemple os interesses da população, do setor público e privado, com a inafastável segurança jurídica, fundamental para a tão necessária e inadiável universalização do serviço.

Brasília, 26 de outubro de 2018

Assinam:

Associação Brasileira de Municípios – ABM

Associação Brasileira de Agências de Regulação – ABAR

Associação Brasileira de Engenharia Sanitária e Ambiental – ABES

Associação Brasileira das Empresas Estaduais de Saneamento – Aesbe

Associação Nacional dos Serviços Municipais de Saneamento – Assemae

Federação Nacional dos Urbanitários – FNU

Frente Nacional de Prefeitos – FNP

Frente Nacional pelo Saneamento Ambiental – FNSA

ImprimirGerar PDFEnvie para um amigo

NOTÍCIAS

Semasa abre eleições para conselho gestor do Parque do Pedroso

14/10/2021: Semasa abre eleições para conselho gestor do Parque do Pedroso

Entidades interessadas em participar do processo eleitoral têm até 12 de novembro para se inscrever Santo André, 11 de outubro de 2021 – O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), por meio do Comugesan, inicia nesta segunda-feira (11) o processo de eleições para constituir o Conselho Gestor do Parque Natural Municipal do Pedroso. O processo de inscrição para as entidades interessadas ocorre até 12 de novembro, de forma online ou presencial. O conselho gestor será composto...

Semasa entrega centenas de brinquedos para crianças da comunidade Sacadura Cabral

14/10/2021: Semasa entrega centenas de brinquedos para crianças da comunidade Sacadura Cabral

Objetos foram doados nas Estações de Coleta e ganharam um destino nobre, levando alegria para famílias carentes Santo André, 8 de outubro de 2021 – O Dia das Crianças chegou mais cedo para moradores da comunidade da Vila Sacadura Cabral. O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) distribuiu nesta sexta-feira (8) duzentos brinquedos para a população, durante o evento Gincanas Ecológicas, que promove brincadeiras com somatórias de pontos para os pequenos trocarem por objetos como carrinhos,...

Semasa beneficia escolas de Santo André com implantação de hortas

07/10/2021: Semasa beneficia escolas de Santo André com implantação de hortas

Plantio faz parte das ações promovidas pelo trabalho socioambiental das obras do Complexo Viário Cassaquera  Santo André, 7 de outubro de 2021 – Espaços que estavam ociosos em escolas estaduais e municipais de Santo André começaram a ganhar um destino nobre. O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) iniciou ações de agricultura urbana, beneficiando a comunidade escolar com a plantação de frutos, temperos, ervas aromáticas e hortaliças. A implantação de hortas é mais uma atividade do...

Santo André volta a realizar licenciamento ambiental em área de manancial

06/10/2021: Santo André volta a realizar licenciamento ambiental em área de manancial

Liberação foi realizada pelo Comitê da Bacia do Alto Tietê após compatibilização da legislação municipal Santo André, 6 de outubro de 2021 – A Prefeitura de Santo André, por meio do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), voltará a licenciar atividades e empreendimentos nas áreas de manancial do município. Os pedidos serão feitos de forma digital pelo sistema Acto (https://santoandre.inmov.net.br/) a partir de 5 de novembro. Santo André interrompeu o licenciamento em áreas de APRM (Áreas...