18/03/2016 Outono começa neste domingo (20) e chuvas e temperatura devem manter-se na média

Balanço parcial do POCV mostra que neste verão houve queda no número de ocorrências atendidas pela Defesa Civil de Santo André

Santo André, 18 de março de 2016 – Os fãs do clima ameno já podem comemorar. A partir deste domingo (20) a 1h30 da manhã pelo horário de Brasília, começa oficialmente o outono brasileiro. De acordo com os meteorologistas do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (Cptec) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), a tendência é que no Sudeste a estação traga temperaturas mais agradáveis e dentro da média para o período, com mínimas entre  12ºC a 18ºC, e máximas oscilando entre 18ºC e 28ºC.

Os índices pluviométricos entre os meses de abril, maio e junho devem se manter na média com redução das chuvas em relação ao verão, sendo que a partir de junho os dias secos devem ser predominantes. Cabe lembrar, no entanto, que o outono é uma estação de transição entre o verão e o inverno e guarda características de ambos os períodos. Por isso, as mudanças climáticas ocorrem de forma rápida e aumentam ainda a incidência dos nevoeiros e geadas, em regiões serranas.

Atendimentos no verão – A Defesa Civil de Santo André, por meio do Programa Operação Chuvas de Verão (POCV), que envolve diversos departamentos do Semasa e da Prefeitura, atuou de forma preventiva e proativa durante as ocorrências registradas no verão, na cidade. Cabe lembrar que o POCV se estende ainda até dia 15/4.

Os indicadores mostram que houve queda no número de atendimentos quando comparado ao verão passado. De acordo com a diretora da Defesa Civil de Santo André, Débora Diogo, esse panorama é o resultado de uma série de ações e investimentos que o município fez e ainda faz para a minimização e redução dos riscos, como as intervenções e urbanizações em áreas de risco, adequação e melhora na manutenção e limpeza dos sistemas de drenagem, podas preventivas, supressões e remanejamentos de árvores, entre outras.

Além disso, embora a cidade tenha registrado ocorrências de deslizamentos de terra em alguns bairros, não houve vítimas e 99 famílias foram atendidas pela assistência humanitária, recebendo colchões, cestas básicas, kits de higiene pessoal, de limpeza e de roupas (variando de caso para caso, de acordo com a avaliação da Defesa Civil).

Comparativamente, nos meses de dezembro de 2015 e janeiro deste ano, os índices pluviométricos foram menores do que os registrados no mesmo período anterior. Apenas fevereiro apresentou índice de chuvas superior ao registrado nos últimos sete anos.

ANO      Dezembro          Janeiro                Fevereiro           Março

2016              –                     379,6 mm              671,7 mm           133,6 mm (até 17/3)

2015      332,7 mm            702,06 mm           539,7 mm           523,8 mm

Trabalho contínuo –  Os resultados do POCV são fruto das ações preventivas implantadas ao longo do ano, sob a coordenação da Defesa Civil. As equipes envolvidas realizam capacitação e treinamento, bem como os moradores, através dos Nupdecs (Núcleos de Proteção e Defesa Civil) e de atividades em escolas e entidade. A Defesa Civil também atua na elaboração, implantação e aprimoramento de instrumentos para a gestão de risco no município, como o PMRR (Plano Municipal de Redução de Riscos), a Carta de Suscetibilidade e o Mapeamento de Risco, o sistema de monitoramento climático e alerta preventivo, além dos recursos voltados para comunicação e informação, como as cartilhas, banners, folders, vídeos, boletim mensal entre outros.

ImprimirGerar PDFEnvie para um amigo

NOTÍCIAS

Superintendente do Semasa e assessor do prefeito Paulo Serra visitam Aterro Sanitário

06/05/2021: Superintendente do Semasa e assessor do prefeito Paulo Serra visitam Aterro Sanitário

Durante a vistoria, também foi possível acompanhar o trabalho das cooperativas de reciclagem Santo André, 6 de maio de 2021 – O superintendente do Semasa, Gilvan Junior, e o assessor especial do prefeito, João Veríssimo Fernandes, visitaram na tarde desta quinta-feira (6) o Aterro Sanitário Municipal de Santo André. Acompanhando de outros assessores da autarquia, o grupo foi recebido pelo diretor de resíduos sólidos, Ednilson Ferreira dos Santos, e pelo gerente do aterro, Eudes Farina Grandolpho. O Aterro Sanitário...

Curso on-line do Semasa discute a relação entre a tecnologia e o meio ambiente

05/05/2021: Curso on-line do Semasa discute a relação entre a tecnologia e o meio ambiente

Iniciativa abordará quais são as alternativas de tecnologias ambientais sustentáveis diante do esgotamento de recursos naturais Santo André, 5 de maio de 2021 – Para discutir mais sobre os caminhos e a relação entre a tecnologia e o meio ambiente, a Educação Ambiental do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) oferece em maio o minicurso on-line ‘Tecnologia e Meio Ambiente: uma relação possível?’. A formação faz parte do Programa Sensibilizando Olhares, Compartilhando Saberes e integra também...

Semasa inicia atendimento de licenciamento ambiental de forma digital

30/04/2021: Semasa inicia atendimento de licenciamento ambiental de forma digital

Abertura de processos, juntada de documentos e até atendimento via chat serão pelo sistema Acto Santo André, 29 de maio de 2021 – Os serviços de licenciamento ambiental realizados pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) passam a ser oferecidos de forma totalmente digital a partir desta quarta-feira (5). A novidade foi possibilitada pelo Sistema Acto, já usado pela Prefeitura de Santo André nos documentos emitidos pelo Departamento de Controle Urbano, como alvarás. Neste primeiro momento,...

Santo André ganha mais de duas mil novas árvores em 2020

26/04/2021: Santo André ganha mais de duas mil novas árvores em 2020

Outras 5.149 espécies serão plantadas em espaços da cidade até o ano que vem Santo André, 26 de abril de 2021 – A Prefeitura de Santo André e o Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) seguem trabalhando continuamente para ampliar as iniciativas de sustentabilidade na cidade e uma das ações neste sentido é o plantio de novas árvores – tanto em calçadas e praças quanto nos parques. Até o final de 2022, Santo André terá recebido...