09/03/2016 Limpeza do DAEE no piscinão Grã-Bretanha, em Santo André, não começou

Santo André, 9 de março de 2016 – A limpeza do piscinão Grã-Bretanha (ou Faculdade de Medicina ABC), em Santo André, administrado pelo DAEE, ainda não foi iniciada. No dia 19 de fevereiro, o DAEE assumiu com o Consórcio Intermunicipal Grande ABC o compromisso de, em 30 dias, limpar oito piscinões estaduais da região. Até 6 de março, os trabalhos haviam sido concluídos em dois deles: Casagrande (Diadema) e Paço Municipal (Mauá).

Segundo o Consórcio, estão em andamento os serviços nos piscinões São Caetano (São Caetano do Sul), Petrobrás Capuava (Mauá), Chrysler, Canarinho e Mercedes Paulicéia (São Bernardo do Campo). Apenas o de Santo André não teve o serviço iniciado.

Vistoria realizada em fevereiro pela Defesa Civil municipal constatou que a sujeira acumulada principalmente nas grades do reservatório pode comprometer o seu funcionamento. Além disso, o acúmulo de água também pode facilitar a proliferação de larvas de insetos, como o Aedes Aegypti.

As intervenções incluem corte de mato, limpeza e desassoreamento.

Ainda este mês, o Consórcio terá nova reunião com o DAEE para fazer um balanço do andamento dos trabalhos. Durante o encontro, o Consórcio pretende reforçar os pedidos ao DAEE para que a manutenção seja realizada permanentemente em todos os piscinões do estado na região.
Em Santo André, além do piscinão da Grã-Bretanha, o DAEE administra também o piscinão Oratório.

“Esse trabalho, principalmente dentro do período de chuvas, não é finalizado após a limpeza. É uma ação contínua para a manutenção dos serviços”, lembra o secretário executivo do Consórcio Luis Paulo Bresciani.

ImprimirGerar PDFEnvie para um amigo

NOTÍCIAS

Santo André estreia Moeda Verde Itinerante para beneficiar novas comunidades

24/09/2022: Santo André estreia Moeda Verde Itinerante para beneficiar novas comunidades

Jardim Utinga recebeu neste sábado novo modelo da ação realizada pelo Fundo Social de Solidariedade e Semasa   Santo André, 24 de setembro de 2022 – Principal política pública socioambiental de Santo André, o programa Moeda Verde começou a ser realizado em um novo formato neste sábado (24) para fazer com que mais pessoas possam trocar recicláveis por frutas, legumes e verduras, ampliando a segurança alimentar e a reciclagem, ao mesmo tempo em que contribui para a limpeza da...

ProAr vistoria e aprova 98% da frota municipal de ônibus

21/09/2022: ProAr vistoria e aprova 98% da frota municipal de ônibus

Emissões dos veículos foram aferidas pelo Semasa Santo André, 21 de setembro de 2022 – As aferições do ProAr (Programa de Qualidade do Ar) realizadas nos ônibus que compõem a frota pública municipal chegaram ao fim e aprovaram 98% dos veículos em atividade. Os agentes da Fiscalização Ambiental do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) vistoriaram 311 ônibus, sendo que 307 receberam o selo de aprovação, o que significa que as emissões estavam dentro dos padrões...

Doações nas Estações de Coleta de Santo André ultrapassam 95 mil itens no primeiro semestre

20/09/2022: Doações nas Estações de Coleta de Santo André ultrapassam 95 mil itens no primeiro semestre

Volume é 70% superior ao mesmo período de 2021 e demonstra o espírito de solidariedade da cidade Santo André, 20 de setembro de 2022 – Os andreenses seguem engajados em espalhar o bem e ajudar quem mais precisa. Demonstração disso é que as doações recebidas nas Estações de Coleta do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) subiram 70% neste primeiro semestre de 2022, na comparação com o mesmo período do ano passado, com mais de 95...

Semasa inicia operação de Estações de Coleta nos bairros Jardim Ana Maria, Jardim e Bangu

12/09/2022: Semasa inicia operação de Estações de Coleta nos bairros Jardim Ana Maria, Jardim e Bangu

Novos equipamentos foram abertos nesta segunda-feira, com horário de funcionamento das 9h às 17h Santo André, 12 de setembro de 2022 – A partir desta segunda-feira (12), os moradores dos bairros Jardim Ana Maria, Jardim e Bangu podem fazer uso das novas Estações de Coleta que foram construídas para ampliar a reciclagem e o descarte correto de diversos tipos de materiais. O engenheiro aposentado Dario Tartarin, de 66 anos, foi o primeiro a utilizar a Estação de Coleta Bangu....