14/03/2014 Semasa coíbe descarte irregular e diminui pontos viciados de acúmulo

                                                        Número de locais reduziu 19% em um ano

O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), por meio de sua Diretoria de Resíduos Sólidos (DRS), vem reforçando o combate aos pontos de descarte irregular de resíduos no município. De janeiro de 2013 a janeiro deste ano, a autarquia reduziu em 19% o número de pontos viciados, que recebiam todo o tipo de lixo. No começo do ano passado eram 136 locais mapeados na cidade. Em 2014, o número caiu para 110.

Três destes 26 pontos eliminados geravam juntos 61 toneladas de resíduos recolhidos por mês. No ponto da avenida João Pessoa (Jd. Utinga), na divisa com São Paulo, por exemplo, o Semasa recolhia 32 toneladas de lixo mensalmente. Já na rua Caminho dos Vianas (Jd. Irene) o montante chegava a 24 toneladas. Na Estrada do Montanhão, localizada dentro do Parque Natural do Pedroso, uma área de conservação ambiental, a autarquia recolhia 5 toneladas de resíduos por mês.

Os pontos de descarte irregular de lixo são locais em que moradores, catadores e até mesmo empresas ou munícipes de outras cidades acabam colocando entulho, móveis velhos, madeira entre outros.  Esta prática é crime ambiental passível de multa e detenção, quando identificado o infrator. O valor da infração pode chegar a 10.000 FMPs (Fator Monetário Padrão – R$ 29.800,00).A população pode e deve denunciar o descarte irregular ao Semasa, por meio do número 08004848115, da Central de Atendimento.

A autarquia, além de mapear estes pontos e realizar um cronograma de limpeza periódica, estabeleceu desde o segundo semestre de 2013 um indicador específico para esta problemática. Desta forma, o departamento é capaz de medir a eficiência dos serviços nestes locais e trabalhar com metas para a eliminação completa dos problemas.

Adotamos algumas medidas simples, como construir pequenos morros com terra adubada e, em parceira com o DEPAV (Departamento de Parques e Áreas Verdes) da Prefeitura de Santo André, plantamos algumas árvores. Além disso, o Departamento de Gestão Ambiental do Semasa ampliou o trabalho das equipes de fiscalização e nós (do DRS) estamos orientando aos moradores do entorno sobre o correto descarte dos resíduos”, explica o diretor de Resíduos Sólidos, Edi Ferreira dos Santos. O Semasa também instalou mais de 50 placas de ‘proibido jogar lixo’ em pontos da cidade.

Ecopontos – As Estações de Coleta, ou Ecopontos, do Semasa, são a melhor alternativa do morador de Santo André para o descarte deste tipo de material encontrado nos pontos viciados. Os moradores podem depositar nos Ecopontos, gratuitamente, até 1m³ de resíduos, o equivalente a 10 sacos de lixo de 100 litros. Caso o morador gere mais que isso, ele deve contratar uma empresa de caçamba.  Hoje, a cidade conta com 16 Ecopontos. Os endereços e horários de funcionamento estão disponíveis no site do Semasa, em www.semasa.sp.gov.br.

 

Obra Limpa – Paralelamente a estas ações, o Semasa deu início à Operação Obra Limpa, em parceria com o Consórcio Intermunicipal do ABC, que visa combater o descarte irregular de resíduos de construção civil e demolição  (RCD). “Em dezembro enviamos ofício para todos os transportadores de entulho. Agora, com as visitas, será finalizado o diagnóstico de quantas e quais empresas operam na cidade”, diz Santos, sobre a segunda fase do programa, iniciada em fevereiro.

A relação das primeiras empresas aprovadas está disponível no site da autarquia e também do Consórcio. Estas companhias possuem um selo de identificação que facilita a fiscalização ambiental e também permite que a população identifique quais prestadoras de serviço de caçamba fazem parte da Operação Obra Limpa.

 

“Os munícipes também devem fazer a parte deles, contratando apenas empresas que possuam o selo do programa. Dessa forma o morador evita transtornos e não corre o risco de ser responsabilizado, caso o transportador de entulho não destine adequadamente os resíduos gerados”, salienta o diretor.

ImprimirGerar PDFEnvie para um amigo

NOTÍCIAS

Coleta de resíduos porta a porta é o melhor serviço de Santo André, em pesquisa do Indsat

26/05/2022: Coleta de resíduos porta a porta é o melhor serviço de Santo André, em pesquisa do Indsat

  Levantamento aponta que 77% dos munícipes aprovam o serviço do Semasa   Santo André, 26 de maio de 2022 – Pesquisa recente divulgada pelo Indsat (Indicadores de Satisfação dos Serviços Públicos) mostrou que a coleta de resíduos de Santo André, realizada pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), é o melhor serviço público da cidade, na avaliação dos moradores.   A coleta porta a porta recebeu um total de 749 pontos, entre os 16 serviços...

Semasa abre inscrições para projeto ‘Do Sólido ao Gasoso’, que vai estudar reutilização do biogás do Aterro Sanitário

25/05/2022: Semasa abre inscrições para projeto ‘Do Sólido ao Gasoso’, que vai estudar reutilização do biogás do Aterro Sanitário

  Iniciativa também vai permitir a elaboração de uma política ambiental para redução dos gases do efeito estufa provenientes da decomposição dos resíduos   Santo André, 25 de maio de 2022 – O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) está com inscrições abertas para interessados em participar do projeto ‘Do Sólido ao Gasoso – Descobrindo as rotas finais dos resíduos sólidos urbanos’, que vai estudar a viabilidade de reaproveitamento do biogás gerado no Aterro Sanitário municipal....

Pioneiro na região do ABC, Programa de Coleta Seletiva de Santo André celebra 25 anos com avanços importantes

23/05/2022: Pioneiro na região do ABC, Programa de Coleta Seletiva de Santo André celebra 25 anos com avanços importantes

Mais de 200 mil toneladas de recicláveis foram reaproveitadas pelas indústrias e deixaram de ter como destino o Aterro Sanitário Municipal Santo André 23 de maio de 2022 – Foi em 1997, na Vila Pires, que Santo André começou o projeto piloto para implantar o Programa de Coleta Seletiva. O município tornou-se o primeiro da região do ABC a ter o serviço de coleta de resíduos secos porta a porta, permitindo que mais de 200 mil toneladas de metal,...

Representantes de São Carlos visitam Santo André para conhecer programa Moeda Verde

16/05/2022: Representantes de São Carlos visitam Santo André para conhecer programa Moeda Verde

Equipe do interior paulista deseja implantar iniciativa semelhante na cidade   Santo André, 13 de maio de 2022 – Moradores do Núcleo Pintassilva receberam nesta sexta-feira (13) a visita de representantes da prefeitura e da Câmara Municipal de São Carlos, cidade do interior de São Paulo, que vieram conhecer mais sobre o programa Moeda Verde.   A comitiva era formada pelo secretário de Agricultura e Abastecimento, Wellington Fábio Cervini; por representante da Secretaria de Meio Ambiente, Ciência, Tecnologia e...