10/03/2014 Semasa alerta população para cuidados na hora de descartar material cortante

Folhetos informativos estão sendo entregues pelos coletores de lixo nos bairros de maior incidência

 

Santo André, 10 de março de 2014 – O descarte de materiais cortantes, como vidros, louças e até seringas, envolve muito mais cuidado do que parte da população acaba adotando. Por conta da falta de atenção, muitas vezes os coletores de lixo se machucam durante o trabalho. Em Santo André, os dados revelam que um coletor se acidenta por dia ao executar o trabalho de coleta de lixo doméstico.

 

Para melhorar esta situação e garantir condições mais favoráveis aos trabalhadores, o Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) está investindo na distribuição de folhetos informativos à população. O material alerta para a problemática e dá dicas de como proceder para evitar estes acidentes.

 

Por exemplo, na hora de descartar materiais cortantes procure envolvê-los em papel, como jornais e revistas antigos e já destinados ao descarte. Se possível, faça o embrulho com papelão ou coloque-o dentro de caixas, evitando o contato dos coletores com os materiais.

 

Para o diretor do Departamento de Resíduos Sólidos, Edi Ferreira dos Santos, a ação da autarquia propõe medidas simples para garantir a segurança destes trabalhadores tão essenciais para o município. “A atitude dos moradores com relação a estes procedimentos faz toda a diferença. São pequenos cuidados que não demandam muito tempo e permitem a continuidade dos serviços com mais qualidade, uma vez que não precisamos ausentar o coletor por conta de acidentes, além de garantir a qualidade de vida dos trabalhadores”, explica.

 

Dados alarmantes – De acordo com uma pesquisa realizada pelo doutor e perito do Ministério Público do Trabalho do Mato Grosso do Sul, Luiz Carlos Alves da Luz, a realidade dos acidentes de trabalho provocada por materiais cortantes em condições inadequadas de armazenamento é alarmante e extrapola os números de Santo André. Em sua pesquisa para a tese de doutorado, o perito constatou que nos municípios de Campo Grande (MS) e Penápolis (SP) o índice de acidentes por material perfuro cortante com coletores chegava a 76%, sendo 7% dos casos provocados por agulhas.

 

Em entrevista para a edição do segundo semestre do ano passado da revista Senac Ambiental, o especialista afirma ainda que 65% das enfermidades e dores relatadas pelos trabalhadores destas cidades, utilizados na pesquisa, se referiam a micoses, larvas e ao famoso bicho geográfico.

 

ImprimirGerar PDFEnvie para um amigo

NOTÍCIAS

Semasa retoma atendimento técnico de licenciamento ambiental de forma presencial

30/09/2022: Semasa retoma atendimento técnico de licenciamento ambiental de forma presencial

Interessados poderão tirar dúvidas sobre processos e pedidos ambientais em tramitação  Santo André, 30 de setembro de 2022 – Para facilitar o acesso à informação e sanar dúvidas dos interessados que ingressam com processos de licenciamento ambiental junto ao Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), a autarquia vai retomar o Atendimento Técnico de Licenciamento Ambiental de forma presencial, a partir da próxima segunda-feira (3/10). O atendimento ocorrerá apenas com agendamento prévio e deverá ser diretamente com...

Santo André estreia Moeda Verde Itinerante para beneficiar novas comunidades

24/09/2022: Santo André estreia Moeda Verde Itinerante para beneficiar novas comunidades

Jardim Utinga recebeu neste sábado novo modelo da ação realizada pelo Fundo Social de Solidariedade e Semasa   Santo André, 24 de setembro de 2022 – Principal política pública socioambiental de Santo André, o programa Moeda Verde começou a ser realizado em um novo formato neste sábado (24) para fazer com que mais pessoas possam trocar recicláveis por frutas, legumes e verduras, ampliando a segurança alimentar e a reciclagem, ao mesmo tempo em que contribui para a limpeza da...

ProAr vistoria e aprova 98% da frota municipal de ônibus

21/09/2022: ProAr vistoria e aprova 98% da frota municipal de ônibus

Emissões dos veículos foram aferidas pelo Semasa Santo André, 21 de setembro de 2022 – As aferições do ProAr (Programa de Qualidade do Ar) realizadas nos ônibus que compõem a frota pública municipal chegaram ao fim e aprovaram 98% dos veículos em atividade. Os agentes da Fiscalização Ambiental do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) vistoriaram 311 ônibus, sendo que 307 receberam o selo de aprovação, o que significa que as emissões estavam dentro dos padrões...

Doações nas Estações de Coleta de Santo André ultrapassam 95 mil itens no primeiro semestre

20/09/2022: Doações nas Estações de Coleta de Santo André ultrapassam 95 mil itens no primeiro semestre

Volume é 70% superior ao mesmo período de 2021 e demonstra o espírito de solidariedade da cidade Santo André, 20 de setembro de 2022 – Os andreenses seguem engajados em espalhar o bem e ajudar quem mais precisa. Demonstração disso é que as doações recebidas nas Estações de Coleta do Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) subiram 70% neste primeiro semestre de 2022, na comparação com o mesmo período do ano passado, com mais de 95...