03/01/2014 Vítima de cheia pode fazer solicitação única de desconto na conta de água e isenção de IPTU

Medida estabelecida por Semasa e Prefeitura facilita a vida de quem sofreu com uma inundação no imóvel

Vítimas de inundações em Santo André, que tiverem imóveis invadidos por águas pluviais, poderão fazer um só requerimento para pedir o desconto na conta de água e a isenção ou devolução do IPTU, ambos previstos pela legislação municipal.

O Semasa e a Secretaria Municipal de Finanças firmaram uma parceria que facilita a vida daqueles que, por conta das fortes chuvas, já sofrem com os danos provocados por uma enchente. As duas solicitações, que antes deviam ser feitas separadamente e em locais diferentes, agora podem ser realizadas em um só requerimento, em um Posto de Atendimento do Semasa ou na Praça de Atendimento da Prefeitura. Esta medida atende a uma solicitação de moradores de áreas suscetíveis às inundações.

Para fazer o pedido, o munícipe deverá preencher um formulário com nome, endereço, RG, CPF e se é dono, inquilino ou procurador do proprietário do imóvel. Também deverá anotar o número fiscal da quadra e o número de cadastro no Semasa. No documento, o requerente vai indicar se está solicitando um dos benefícios ou os dois, especificando a data que o imóvel foi invadido pelas águas.

Para ter direito ao desconto na conta de água, o pedido deve ser feito dentro do prazo de 90 dias a partir da data da enchente. O desconto é feito na conta seguinte. Já o prazo para solicitar a isenção ou devolução do IPTU é menor – 60 dias a partir da data da cheia – e o requerente deve indicar uma conta bancária para o depósito do valor. O montante a ser isento ou devolvido é o referente ao do ano em exercício.

É importante lembrar que o atendimento das solicitações do munícipe não é automático e caberá à análise do processo feita pelo Semasa e pela Prefeitura.

O desconto na cobrança pelo consumo de água em imóveis atingidos por inundações foi estabelecido em Santo André pelas leis municipais 9.038/2008 e 9.304/2011. E as leis municipais 7.157/1994, 7.396/1996 e 9.111/2008, mais o Decreto 15.956/2009, estabeleceram a isenção na cobrança do IPTU em caso de cheia.

ImprimirGerar PDFEnvie para um amigo

NOTÍCIAS

Prefeitura inicia construção de  segundo ecoponto no Jardim Santo André

25/11/2022: Prefeitura inicia construção de segundo ecoponto no Jardim Santo André

Santo André, 25 de novembro de 2022 – A Prefeitura de Santo André, por meio da Secretaria de Manutenção e Serviços Urbanos, está construindo mais um ecoponto no Jardim Santo André. O bairro é um dos que mais sofrem com descarte irregular de resíduos, o que agrava problemas de enchentes, alagamentos e a poluição do meio ambiente. As obras ocorrem na Rua da Visão e a nova unidade será batizada de Estação de Coleta Jardim Santo André. Com a...

Santo André recebe novo drive-thru para descarte correto de eletroeletrônicos, pilhas e lâmpadas fluorescentes

23/11/2022: Santo André recebe novo drive-thru para descarte correto de eletroeletrônicos, pilhas e lâmpadas fluorescentes

Ação já permitiu a reciclagem de mais de 12 toneladas e vai acontecer nos dias 25 e 26 de novembro, no Paço Municipal Santo André, 23 de novembro de 2022 – Santo André recebe nos dias 25 e 26 de novembro (sexta e sábado) um ponto de coleta especial para descarte de resíduos eletrônicos, pilhas e lâmpadas fluorescentes. A ação é promovida desde 2020 pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) em parceria com a Green...

Prestes a virar lei, programa Moeda Verde comemora 5 anos

22/11/2022: Prestes a virar lei, programa Moeda Verde comemora 5 anos

Iniciativa que troca recicláveis por alimentos consagrou-se como a principal política pública socioambiental de Santo André Santo André, 22 de novembro de 2022 – Há cinco anos, reciclar em Santo André gera comida na mesa a famílias em situação de vulnerabilidade social, amplia a segurança alimentar e a limpeza dos bairros da cidade. Todas essas melhorias ocorrem graças ao programa Moeda Verde, que, nesta terça-feira (22), completa 1.825 dias de existência, trazendo mais qualidade de vida para cerca de...

Pandemia aumenta em 47% o número de catadores de recicláveis em Santo André

18/11/2022: Pandemia aumenta em 47% o número de catadores de recicláveis em Santo André

Até 2020, 579 profissionais trabalhavam com essa atividade; após aquele ano, 274 pessoas passaram a recolher e vender esse tipo de material no município Santo André, 18 de novembro de 2022 – Ao andar ou trafegar de veículo pelas ruas de Santo André nesses últimos dois anos é possível notar que houve aumento significativo de pessoas que recolhem materiais recicláveis. Os novos catadores autônomos de resíduos secos, como também são conhecidos, passaram a exercer essa atividade após perder o...