05/12/2013 Fraldas são contabilizadas pela primeira vez e representam 32 toneladas diárias no lixo de Santo André

Santo André, 05 de dezembro de 2013 – Pela primeira vez, as fraldas foram contabilizadas separadamente na gravimetria do lixo de Santo André. E elas representam quase 5% do material descartado e aterrado na cidade, ou 32 toneladas diárias, significando o 5º produto mais encontrado no lixo.

Apesar de serem geralmente descartadas com o material orgânico sanitário, as fraldas são um problema para o meio ambiente por causa de sua composição ser em grande parte de material plástico, de difícil absorção pela natureza – ela é composta por uma camada exterior de polietileno sintético e a parte interna tem uma mistura de polipropileno (que fica em contato com o bebê), além do poliacrilato de sódio (flocgel), elásticos e adesivos.

Papelão e tecidos – Mas o material reciclável que mais é encontrado na mistura do lixo úmido é o papelão. O volume equivale a 7,13% do total de resíduos comuns destinados ao aterro. Segundo a gravimetria do lixo de Santo André, há mais papelão misturado ao lixo comum do que resíduo sanitário (6,85%). E, comparando com a gravimetria realizada em 2008, o volume deste tipo de resíduo aumentou. Em 2008, eram 4,13% de papelão que seguia para o aterro. Analisando os bairros separadamente, o Bairro Jardim é que gera lixo com mais volume de papelão – 17,56% do total.

Outro material que também aparece em grande quantidade misturado ao lixo comum é o tecido, principalmente roupas. Eram 4,26% em 2008 e, este ano, são 6,20%. Na análise bairro a bairro, é Paranapiacaba que tem no seu total de lixo comum o maior volume de tecidos – 20,4% do total.

O QUE HÁ NO LIXO COMUM
Raio-x em detalhes
Material orgânico (alimentos) 43,96%
Papelão 7,13%
Material orgânico (sanitário) 6,85%
Tecido, pano e couro 6,20%
Fraldas 4,97%
Papéis – jornais e revistas 4,47%
Polímeros – PEBD[4] – polietileno de baixa densidade 3,55%
Polímeros – sacos plásticos (supermercado) 3,50%
Polímeros – sacos plásticos (de lixo) 3,47%
Papel branco 1,89%
Alumínio 1,21%
Tetra pack 1,20%
Vidro 1,15%
Polímeros (outros plásticos) 1,12%
Polímeros – PET[1] – politereftalato de etileno 0,99%
Polímeros – PEAD[2] – polietileno de alta dens. 0,98%
Borracha 0,93%
Resíduos tecnológicos-pilhas 0,91%
Madeira processada 0,78%
Entulho (resíduos inertes) 0,64%
Polímeros – PS[6] – poliestireno 0,61%
Embalagens aluminizadas 0,56%
Polímeros – V [3] – PVC 0,54%
Polímeros – PP [5] – polipropileno 0,51%
Resíduos tecnológicos-lâmpadas 0,43%
Resíduos tecnológicos-outros 0,40%
Isopor 0,35%
Metais não ferrosos 0,27%
Metal ferroso 0,24%
Resíduos tecnológicos-informática 0,10%
Madeira natural 0,09%
TOTAL 100,00%

 

10 + NÃO ORGÂNICO
BAIRROS % DE NÃO ORGÂNICO PRINCIPAL MATERIAL % DO PRINCIPAL
Bairro Jardim 74,05 papelão 17,56
Cidade São Jorge / Pq. Marajoara 67,74 tecido 9,41
Sacadura Cabral / Aquilino / Príncipe de Gales 63,03 tecido 12,79
Jardim Santo André (p.) / Vila Suíça 62,69 papelão 7,28
Jd. Joaquim Eug.de Lima / Paranapiacabs 61,86 tecido 20,4
Centreville / Geressi / Marek / Marajoara (p.) 61,23 papelão 13,63
Bairro Santa Maria 61,17 papelão 16,92
Parque João Ramalho 56,91 papelão 7,85
  1. Francisco Matarazzo / Parque das Nações (p.)
55,68 papelão 7,89
Vila Metalúrgica (p.) 54,34 papelão 8,15
10 + ORGÂNICOS
BAIRROS % DE ORGÂNICO
Vila Pires/ Helena / Marina 67,01
Bela Vista / Vila Alice / Vila Bastos 63,38
Camilópolis 62,68
Parque Oratório 60,98
Paraíso / Vila Alzira 60,68
Vila Scarpelli (p.) / Vila Floresta (p.) 59,91
Pq. Novo Oratório / Jd. St. Alberto 59,1
Jd. Alvorada / Jardim do Estádio (p.) 58,77
Jaçatuba / Vila Curuça 57,41
Bom Pastor / Scarpelli (p.) / Floresta (p.) 56,44

 

Onde há mais fraldas
BAIRROS % DE FRALDAS
Vila Bastos (p.) / Bela Vista (p.) / Vila Assunção (p.) 13,03
Paraíso / Vila Alzira (p.) 11,92
Homero Thon / V. América / Silveira / Progresso 10,44
Pedroso / Miami / Riviera 10,22
Vila Alpina / Vila Guiomar 8,92
Onde há mais tecidos
BAIRROS % DE TECIDOS
Paranapiacaba 20,4
Vila Helena / V.Marina/ V.Guilhermina /V. Linda 17,5
Clube de Campo / Parque Andreense 14,98
Jardim Pilar / Jardim Stella / Jardim Jamaica 14,9
Parque do Pedroso / Parque Miami / Jardim Riviera 14,69
Onde há mais papelão
BAIRROS % DE PAPELÃO
Bairro Jardim 17,56
Bairro Santa Maria (p.) 16,92
Centreville / Gerassi / Marek / Marajoara 13,63
Santa Terezinha / Bangu 12,5
Alzira Franco / Jd. Riva / Parque Erasmo Assunção 11,43

 

Onde há mais vidro
BAIRROS % DE VIDRO
Bairro Jardim 4,33
Jardim do Estádio (p.) / Vila Junqueiro / Vila Vitória 3,56
Homero Thon / V. América / Silveira / Progresso 3,13
Vila Bastos (p.) / Bela Vista (p.) / Vila Assunção (p.) 2,73
Santa Terezinha / Bangu 2,41

 

MAIS JORNAIS E REVISTAS
Vila Bastos (p.) / Bela Vista (p.) / V. Assunção (p.) 11,13

 

MAIS ALUMÍNIO
Sacadura Cabral / V. Aquilino / Príncipe de Gales 6,68

 

MAIS ENTULHO
Parque Oratório 4,55

 

(p.) = parte

ImprimirGerar PDFEnvie para um amigo

NOTÍCIAS

Coleta de resíduos porta a porta é o melhor serviço de Santo André, em pesquisa do Indsat

26/05/2022: Coleta de resíduos porta a porta é o melhor serviço de Santo André, em pesquisa do Indsat

  Levantamento aponta que 77% dos munícipes aprovam o serviço do Semasa   Santo André, 26 de maio de 2022 – Pesquisa recente divulgada pelo Indsat (Indicadores de Satisfação dos Serviços Públicos) mostrou que a coleta de resíduos de Santo André, realizada pelo Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André), é o melhor serviço público da cidade, na avaliação dos moradores.   A coleta porta a porta recebeu um total de 749 pontos, entre os 16 serviços...

Semasa abre inscrições para projeto ‘Do Sólido ao Gasoso’, que vai estudar reutilização do biogás do Aterro Sanitário

25/05/2022: Semasa abre inscrições para projeto ‘Do Sólido ao Gasoso’, que vai estudar reutilização do biogás do Aterro Sanitário

  Iniciativa também vai permitir a elaboração de uma política ambiental para redução dos gases do efeito estufa provenientes da decomposição dos resíduos   Santo André, 25 de maio de 2022 – O Semasa (Serviço Municipal de Saneamento Ambiental de Santo André) está com inscrições abertas para interessados em participar do projeto ‘Do Sólido ao Gasoso – Descobrindo as rotas finais dos resíduos sólidos urbanos’, que vai estudar a viabilidade de reaproveitamento do biogás gerado no Aterro Sanitário municipal....

Pioneiro na região do ABC, Programa de Coleta Seletiva de Santo André celebra 25 anos com avanços importantes

23/05/2022: Pioneiro na região do ABC, Programa de Coleta Seletiva de Santo André celebra 25 anos com avanços importantes

Mais de 200 mil toneladas de recicláveis foram reaproveitadas pelas indústrias e deixaram de ter como destino o Aterro Sanitário Municipal Santo André 23 de maio de 2022 – Foi em 1997, na Vila Pires, que Santo André começou o projeto piloto para implantar o Programa de Coleta Seletiva. O município tornou-se o primeiro da região do ABC a ter o serviço de coleta de resíduos secos porta a porta, permitindo que mais de 200 mil toneladas de metal,...

Representantes de São Carlos visitam Santo André para conhecer programa Moeda Verde

16/05/2022: Representantes de São Carlos visitam Santo André para conhecer programa Moeda Verde

Equipe do interior paulista deseja implantar iniciativa semelhante na cidade   Santo André, 13 de maio de 2022 – Moradores do Núcleo Pintassilva receberam nesta sexta-feira (13) a visita de representantes da prefeitura e da Câmara Municipal de São Carlos, cidade do interior de São Paulo, que vieram conhecer mais sobre o programa Moeda Verde.   A comitiva era formada pelo secretário de Agricultura e Abastecimento, Wellington Fábio Cervini; por representante da Secretaria de Meio Ambiente, Ciência, Tecnologia e...